Presidentes de Associações Comunitárias de Poço Verde conhecem Projeto Dom Távora

Publicado em: 17 maio 2017

Presidentes de Associações Comunitárias de Poço Verde conhecem Projeto Dom Távora

Na manhã desta terça-feira, 16, o secretário Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, vereador Gileno Santana Alves, coordenou a reunião com a presença do secretário de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e Pesca, Esmeraldo Leal, o qual fez uma apresentação do Projeto Dom Távora.

Representando o prefeito Iggor Oliveira, que participa da Marcha dos Prefeitos em Brasília, o secretário Gileno Alves, fez a abertura do evento, e discorreu sobre a importância do Projeto Dom Távora para agricultura familiar. “Estamos vivendo outros tempos. Hoje o agricultor diz o que ele quer. Estamos aqui ouvindo as pessoas”, acrescentou Gileno.

O secretário Esmeraldo Leal fez uma exposição de como funciona o Projeto Dom Távora, que tem o objetivo de promover o desenvolvimento de negócios agropecuários e não agropecuários, por meio de financiamento de planos de negócios para associações e cooperativas de agricultores familiares. “Veja aqui em Poço Verde uma reativação muito forte das Associações Comunitárias. É por isso que vinhemos hoje aqui não somente dialogar com vocês, mas sobretudo dá a oportunidade que as famílias decidam o que querem”, disse Esmeraldo.

Durante a exposição, o secretário da Agricultura Esmeraldo ressaltou alguns critérios para que as comunidades tenham acesso aos recursos, além de enfatizar que Poço Verde foi o município pioneiro da apresentação em referência para o Estado de Sergipe, apresentado pelo técnico agrícola Luís Alberto Souza, da EMDAGRO local.

A Presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável – CMDS, Renilda Maria, considerou o evento de grande importância, por trate-se da primeira Assembleia Geral do Conselho, reunindo um número expressivo de presidentes.

Já Evanildo Santos, representando o Sindicado dos Trabalhadores Rurais de Poço Verde, conclamou a todos a prestaram atenção na explanação do Projeto Dom Távora, colocando o Sindicato como membro-parceiro. “Parabenizo a todos os envolvidos nessa reunião. Fazia muito que não presenciávamos uma ação desse nível, com todos os presidentes presente”, reconhece Evanildo.

Ao explicar a tramitação para aprovação de um financiamento pelo projeto Dom Távora, o secretário Esmeraldo disse que o primeiro passo é ouvir as comunidades. Segundo ele, estas são detentoras do poder de decisão sobre os projetos que serão financiados, embora tenham que seguir os critérios técnicos e os limites burocráticos que os investimentos públicos requerem.

Participaram da reunião: Paulo Soares – Representante do PNUD no Município; Luiz Alberto – Representante da EMDAGRO local; Gilmaria Farias e Fernando Arimateia – representantes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável no Projeto Dom Távora; Delmo Santos – Coordenador Geral do Dom Távora, além dos vereadores: Rivan Francisco e João Ramalho, dos secretários municipais: Roberto Xavier – Finanças; e Dii de Nilo – Obras e Urbanismo.

Compartilhe isso: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn